segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Algo sobre o amor.




                    - Acho que tu não sabe amar. –disse ela.
                    Talvez esteja certa.
                    Nem eu.
                    Nem ela.
                    Nem o resto.
                    O amor é egoísta.
                    Assim como as oportunidades.

                    Fiquei olhando apenas para o teto.
                    Não havia o que falar.
                    E para não falar merda
                    É melhor ficar calado.
                    Enquanto isso ela solta
                    Suas rajadas de verdades enganadas.

                    Eu estava numa ressaca
                    Que já durava três longos dias.
                    Fui ao banheiro.
                    Dei uma mijada para expelir
                    Todas as porcarias consumidas.
                    Meu corpo estava uma merda.
                    Decidi ir ao chuveiro.

                    Pensei um pouco sobre o amor,
                    Sobre a solidão e até mesmo sobre a traição.
                    Entre o amor, traição e solidão
                    Sempre entendi mais o lado da ultima opção.
                    Eu entendia pelo simples fato
                    De que eu estava sozinho no banheiro.
                    Assim, como em vários outros
                    Momentos da minha vida.
                    Desliguei o chuveiro.
                    Me enxuguei.

                    Como deve ser a verdadeira forma de amar?
                    Pensei.
                    Eu tenho minha forma de amar.
                    E tenho certeza que não é um amor popular.

Nenhum comentário:

Postar um comentário